Fudendo a safadinha na cama

Fudendo a safadinha na cama

Fudendo a safadinha na cama

Um dedo e já escorria lágrimas dos olhos da menina, ela estava ofegante tentando aguentar a dor como uma heroína:-Olha Mariangela, eu acho que não vai dar, eu sou bem dotado, arrombei tua prima que pelo visto já estava cansada de dar o rabo,você não está preparada…Ela ficou bem chateada, até um pouco envergonhada, choramingando ficou pedindo como criança:-Mas papai, eu quero…você sempre dá um jeito…pode forçar eu juro que aguento…não vou chorar nem gritar…É… a menina queria mesmo, mas não sou irresponsável além disso mesmo safadinha e querendo complicar minha vida é minha filha! Não pretendia estourar o cúzinho dela, não mesmo!-Olhe minha filha, vamos nos divertir. ele comeu o cu de Raimundo, mainha descobriu, deu uma cossa em Raimundo e foi entregar Bené ao nosso tio, nosso tio quase mata Bené na pancada, nisso nossa tia mãe de Bené pra se vingar do marido deu a buceta a painho, escondido de Laura claro, eu e Raimundo pegamos os dois fudendo, fiz Raimundo me comer gostoso o viado do Fernando viu a gente invés de me comer preferiu contar a Bené que brigou com Raimundo e não quer mais comer ele porque ele me come, aí socou no cu de Fernando que virou a mulherzinha dele.

Ele se levantou e me cobriu e voltou pra cama dele… Me descobri denovo pois estava com muito calor… Então ele se levantou e parou do lado da minha cama e disse que não estava se aguentando virei e olhei pra ele sem saber o que falar… Ele simplesmente me beijou e eu fiquei sem reação… Continuou me beijando e o calor que eu estava sentindo apenas triplicou… Começamos a no beijar com mais intensidade.

Nisso a Rose chegou, mas não teve coragem de me encarar. Isabela vestia uma saia bem curta, preta com bolinhas brancas pequenas e uma blusa regata, colada no corpo com um enorme decote, seus seios por não serem muito grandes não deixavam a roupa indecente, mas aquilo pirava Gabriel só de olha-la.